Bolsonaro anuncia que quem se vacinar terá que assinar termo de responsabilidade



O presidente Jair Bolsonaro afirmou na noite desta segunda-feira (14) que todos aqueles que estiverem interessadas em se vacinar contra a Covid-19 no país terão que assinar um tipo de “termo de responsabilidade”.


Segundo ele, a medida é motivada por cláusulas adotadas pelas farmacêuticas, como a Pfizer, que isentam as empresas por quaisquer efeitos adversos.

“Não é obrigatória [a vacina]. Vocês vão ter que assinar termo de responsabilidade para tomar. Porque a Pfizer, por exemplo, é bem clara no contrato: ‘Nós não nos responsabilizamos por efeitos colaterais’. Tem gente que quer tomar, então toma, a responsabilidade é tua. Se der algum problema aí… espero que não dê”, disse o presidente.

Bolsonaro também frisou que já tem uma medida provisória (MP) que permitirá que o governo faça um aporte de R$ 20 bilhões para a compra de imunizantes contra a Covid-19.


0 comentário